Dia Mundial da Poesia, confira 5 poetas que fazem parte da literatura mundial:

0 Flares 0 Flares ×

 

blog.ciadoslivros-poesias-autores

Em 21 de março comemora-se o dia mundial da poesia, a data foi criada na 30ª Conferência Geral da UNESCO em 1999. O objetivo é estimular a produção e celebrar a poesia como forma de arte em todo o mundo, além de levantar a reflexão sobre o poder da linguagem. Para celebrar selecionamos cinco poemas de escritores famosos:

Motivo

Eu canto porque o instante existe

e a minha vida está completa.

Não sou alegre nem sou triste:

sou poeta.

Irmão das coisas fugidias,

não sinto gozo nem tormento.

Atravesso noites e dias

no vento.

Se desmorono ou se edifico,

se permaneço ou me desfaço,

— não sei, não sei. Não sei se fico

ou passo.

Sei que canto. E a canção é tudo.

Tem sangue eterno a asa ritmada.

E um dia sei que estarei mudo:

— mais nada.

Cecília Meireles: Foi uma jornalista, pintora, escritora e professora brasileira com dezoito anos lançou seu primeiro livro de poemas, Espectros até hoje é considerada uma das maiores poetisas do Brasil.

 

15

ME gustas cuando callas porque estás como ausente,

y me oyes desde lejos, y mi voz no te toca.

Parece que los ojos se te hubieran volado

y parece que un beso te cerrara la boca.

Como todas las cosas están llenas de mi alma

emerges de las cosas, llena del alma mía.

Mariposa de sueño, te pareces a mi alma,

y te pareces a la palabra melancolía.

Me gustas cuando callas y estás como distante.

Y estás como quejándote, mariposa en arrullo.

Y me oyes desde lejos, y mi voz no te alcanza:

déjame que me calle con el silencio tuyo.

Déjame que te hable también con tu silencio

claro como una lámpara, simple como un anillo.

Eres como la noche, callada y constelada.

Tu silencio es de estrella, tan lejano y sencillo.

Me gustas cuando callas porque estás como ausente.

Distante y dolorosa como si hubieras muerto.

Una palabra entonces, una sonrisa bastan.

Y estoy alegre, alegre de que no sea cierto.

Pablo Neruda: Pseudônimo de Ricardo Eliécer Neftalí Reyes Basoalto foi um poeta chileno, bem como um dos mais importantes poetas da língua castelhana do século XX .

 

Casa De Hóspedes

O ser humano é uma casa de hóspedes.

Toda manhã uma nova chegada.

A alegria, a depressão, a falta de sentido, como visitantes inesperados.

Receba e entretenha a todos

Mesmo que seja uma multidão de dores

Que violentamente varrem sua casa e tira seus móveis.

Ainda assim trate seus hóspedes honradamente.

Eles podem estar te limpando

para um novo prazer.

O pensamento escuro, a vergonha, a malícia,

encontre-os à porta rindo.

Agradeça a quem vem,

porque cada um foi enviado

como um guardião do além.

Rumi: Foi um poeta, jurista e teólogo sufi persa do século XIII, seus trabalhos foram escritos em novo persa uma renascença literária do século VIII/IX. Sua poesia também tem influenciado a literatura persa bem como a literatura em urdu, bengali, árabe e turco.

 

Soneto da Fidelidade

De tudo, ao meu amor serei atento

Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto

Que mesmo em face do maior encanto

Dele se encante mais meu pensamento.

Quero vivê-lo em cada vão momento

E em louvor hei de espalhar meu canto

E rir meu riso e derramar meu pranto

Ao seu pesar ou seu contentamento.

E assim, quando mais tarde me procure

Quem sabe a morte, angústia de quem vive

Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):

Que não seja imortal, posto que é chama

Mas que seja infinito enquanto dure.

Vinícius de Moraes: Foi um poeta, dramaturgo, jornalista, diplomata, cantor e compositor brasileiro. Sua obra é composta pela literatura, teatro, cinema e música.

 

Autopsicografia

O poeta é um fingidor.

Finge tão completamente

Que chega a fingir que é dor

A dor que deveras sente.

E os que lêem o que escreve,

Na dor lida sentem bem,

Não as duas que ele teve,

Mas só a que eles não têm.

E assim nas calhas da roda

Gira, a entreter a razão,

Esse comboio de corda

Que se chama o coração.

Fernando Pessoa: Poeta, escritor, publicitário, astrólogo, crítico literário, inventor, empresário, tradutor, correspondente comercial, filósofo e comentarista político português.

Cia. dos Livros

No blog da Cia. dos Livros nossa missão é levar informação, entretenimento e todas as novidades do mundo dos livros e indústria editorial. Para os estudantes publicaremos sobre concursos, provas, tudo que envolve o universo do estudante. Resenhas, dicas, indicação de autores desconhecidos e famosos. Adaptações para o cinema, novos lançamentos, eventos da Cia. e mercado editorial, além de algumas curiosidades. Ler é conhecimento, te permite viajar sem sair de casa, compartilha cultura, te ajuda a escrever melhor, além de aguçar seu senso crítico. Vamos trocar ideias, comentários, sugestão ou dica, leia e compartilhe as suas ideias conosco!

Deixe um comentário

 
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Pin It Share 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×