Uma das mais consideradas obras literárias de Machado de Assis, “Memórias Póstumas de Brás Cubas“, ganha adaptação para o teatro. “Memórias Póstumas + Machado de Assis” faz temporada no Guairinha de 21 de maio a 7 de junho.

Léo Dalledone

Com adaptação e direção de Edson Bueno e prodição do Grupo Delírio Cia. De Teatro, o clássico da literatura brasileira é apresentado de quinta a domingo, sempre às 20h. Os ingressos custam até R$ 43.

A sutileza, a ironia fina e o humor negro do texto de Machado de Assis tomam vida no elenco formado pelos talentosos atores Diogo Biss, Robysom Souza e Thierry Lummertz.

Enredo

O espetáculo fala da criatura humana, suas imperfeições, sonhos de ilusão e desejos. Tudo pela boca de Brás Cubas que, morto, começa a relatar as próprias memórias. Ao se eximir da condição de vivo, ele não pode mais ser reprimido ou condenado por dizer o que pensa – e nem se preocupar com as consequências de ter a língua solta na vida de quem ainda não passou para o outro lado.